segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Finalmente se amando...



Bom dia meninas e meninos que me acompanham por aqui... perdoem-me se ainda estou falhando nas postagens. Uma hora pego no tranco, ah... pego!!! 

Hoje quero falar sobre algo que tem sido muito intenso por aqui, o processo de mudanças. Há um ano eu assumi o compromisso de mudar. Quando assumimos um compromisso com alguém, fazemos questão de honrar nossa palavra, não é? Então por que não fazer o mesmo com a pessoa mais importante da nossa vida: nós mesmos?

O desejo de mudança, que há anos me acompanhava, virou compromisso assumido e assinado. Sim, assinei um termo para oficializar o processo e até mostrei para uma amiga. Desde então, muitas mudanças aconteceram comigo. Hoje, sou a pessoa que sempre sonhei ser porque finalmente aceitei agir. 

O fato é que sozinha não conseguiria, por isso tive a honra de poder contar com pessoas preciosas nesse processo. Como sou grata a cada uma delas. Além da ajuda das pessoas, estive atenta para aprender e praticar o aprendizado. Um comentário de uma ação banal na casa de uma amiga, poderia vir a ser um grande aprendizado para mim. Um exemplo foi quando a Lilian, uma amiga querida, comentou que se incomodava porque tinha dias que nem conseguia arrumar a cama. Foi quando ela soltou: "eu não fazia uma coisa que leva só um minutinho do dia para fazer". 

A Lilian mudou isso e essa semana ela cronometrou o tempo que levava para arrumar a cama e revelou que em 40 segundos conseguiu fazer. Fiquei impressionada em como a gente arruma desculpas para não fazer coisas simples e que não levam nem um minuto do nosso dia. 

A primeira vez que essa amiga amada veio com essa história de "não leva nem um minuto", me dei conta que - apesar de arrumar a cama todos os dias ao acordar, ainda estava deixando de lado de fazer muitas coisas que não levam nem um minuto. Depois disso, minha dinâmica a respeito de muita coisa mudou.

O processo de mudança interior não é algo que ocorre em um ano, mudar é um processo evolutivo e deve levar a vida inteira. Enquanto estivermos atentos à aprender e praticar, estamos dentro deste processo precioso. Um processo que eu não abro mais mão, de jeito nenhum.

Dentro desse processo de mudança, veio a necessidade de uma vida mais honesta, prática, simples e minimalista. Para esta vida dar certo, seria necessário o mínimo de organização em todas as áreas. Foi quando o sistema flylady voltou a entrar em minha vida. Conheci o sistema há mais de dez anos, talvez em 2003 ou 2004, pelos grupos do Yahoo e, sem compromisso, fui seguindo e fazendo alguns ajustes em casa. Mas é difícil manter algo quando não se há compromisso, mesmo que esse algo seja positivo.

Há um ano e meio atrás, mais ou menos, o sistema voltou à minha vida. Dessa vez ele veio de mansinho e disfarçado, eu aceitei que fosse assim até que chegou o dia que entendi que merecia que ele fizesse parte da minha vida de forma efetiva e tenho buscado honrar esse compromisso que fiz comigo mesma.

Ser Fly - Finalmente se Amando é a tradução de Finally Loving Yourself, as iniciais de FLY. Para me amar e ter a vida que sempre sonhei, sendo quem eu desejava ser, era preciso - em primeiro lugar, me amar. Finalmente entendi isso e tenho buscando colocar em prática, também, por meio do sistema FlyLady.

Hábitos - Ser fly não é só cumprir as missões propostas pelo sistema - e que reproduzo aqui e nas redes sociais, é mudar hábitos e desenvolver rotinas para organizar e manter sua casa, cuidando da família, da saúde, da auto estima e da vida financeira também. Por isso, uso as redes sociais para insistir na mudança de hábitos. Bato na tecla que "se é para sermos escravos de hábitos, que sejamos escravos de bons hábitos".

Tempo - O sistema propõe que entre em nossa rotina diária uma série de 31 pequenas tarefas, que  - com o tempo, são cumpridas no automático, como escovar dentes ou pentear os cabelos. Tarefas que duram poucos minutos hoje, mas que te ajudam a gerir o tempo e a organização da casa com excelência. 

BabySteps - Depois de introduzir essas 31 pequenas tarefas, também chamadas de "BabySteps", as flys são apresentadas às zonas das semanas e à limpeza detalhada. Acreditem, depois de terem essas 31 pequenas tarefas em seu "automático" (ou pelo menos boa parte delas), cumprir às missões propostas nas zonas da semana ou os desafios mensais são infinitamente mais fáceis.

O bom é que como eu, na rede se encontram várias outras mulheres engajadas neste estilo de vida dispostas a compartilhar informações e aprendizados com quem realmente quer mudar e aprender.

Zona 5 - Para hoje, vou entrar na zona da semana - que é a 5. Esta zona abrange a Sala de Estar, de TV, de Visitas e da Família. Posto aqui a lista de limpeza detalhada proposta pelo sistema. As missões diárias estão na fanpage e são colocadas no IG também. Aconselho que imprima esta lista (é só clicar nela, que a imagem abre sozinha na tela), coloque-a num lugar visível (eu colo na geladeira) e vá fazendo aos poucos. Conforme for fazendo a limpeza, vá riscando o que foi feito.

15 minutos - Uma das propostas do sistema e usar o timer, marcando 15 minutos. Esse é o tempo máximo que você deve gastar em cada atividade. Por exemplo, marque 15 minutos no timer e vá limpar a janela. Se não deu para fazer nestes 15 minutos, páre e vá para a próxima atividade, onde passará mais 15 minutos. Terminou, volta para a janela. 

Não se canse - Vá fazendo aos poucos, sem se cansar. Pare a cada 45 minutos para beber água, tomar um chá, ler alguma coisa e só volte às atividades depois de 15 minutos parada. Você vai descobrir que em 15 minutos dá para fazer muita coisa. O mais legal do timer é que ele é uma excelente ferramenta na manutenção do foco.

Destralhe - Antes de começar a limpeza da sala, tire 15 minutos para destralhar o ambiente. Veja tudo o que não pertence a esse cômodo e vá tirando, levando de volta ao cômodo certo. Aproveite e dê uma geral nos jornais e revistas que insistem em se acumular. Coloque-os no lugar certo ou, melhor, jogue fora o que já foi lido ou o que não conseguirá ler depois. Só após destralhar, comece a limpeza, combinado?

- Em tempo, o desafio flylady de outubro é o destralhe de papéis. Ele está todinho no facebook e é, diariamente, inserido no ig. Vá lá e veja o que precisa fazer. Cada dia uma coisa e aos poucos a vida vai ficando mais leve - 

LEMBRE-SE: Não se desespere se - ao olhar a sala, achar que não conseguirá colocar tudo em ordem em uma semana. Não se esforce além do necessário, apenas lembre-se que sua sala não ficou bagunçada e desorganizada em um mês, logo ela não precisa ficar perfeita em uma semana. O que não der para ser feito nesta semana, será feito quando voltarmos a esta zona, ok?



Apesar de ter a lista de limpeza detalhada para a semana, tenho meu próprio checklist de limpeza e organização da casa, que funciona de acordo com as necessidades do meu dia a dia. Você sabe como é o seu dia, por isso, vá adaptando as propostas do flylady de acordo com a sua rotina diária que vai, na maior parte das vezes, além da casa, incluindo filhos, marido, trabalho e outros compromissos. Apesar de ter a minha lista feita, também busco seguir as missões diárias propostas pelo fly.



Vou aproveitar e deixar registrado aqui, o meu cardápio semanal. Preparar essa lista ajuda a otimizar meu dia e dá excelência às refeições feitas em casa. Para entender melhor, sugiro que leia esta postagem aqui.


segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Fly Lady e a Criança Livre



Hoje é feriado santo, mas também é Dia das Crianças. Fiquei pensando aqui que precisamos equilibrar o nosso lado adulto e o nosso lado criança. Temos que ter a responsabilidade e compromissos dos adultos, mas a leveza disposição das crianças e não falo só de disposição física não, é a disposição de viver cada momento com intensidade. Já viu o que acontece quando uma criança começa a brincar? Ela não quer parar nunca, nos passando a impressão de que não cansam. Sem contar a sede que têm de aprender e a liberdade que têm para viver. Ah, temos tanto para aprender com nossos pequenos. No lugar de viver podando-os para que sejam cada vez mais como nós, adultos, devemos observá-los e aprender (ou reaprender) a ser cada vez mais como eles.

Como tenho meu lado adulto à flor da pele, coisa de mãe de 3 que tem uma agenda atarefadíssima com as questões da casa, do filho e da profissão, preciso ter tudo sob controle para ter tempo, também, para me divertir. A organização da minha agenda semanal faz com que eu não me perca tanto e foque meu tempo e atenção no que está programado para ser feito, inclusive com tempo livre - para imprevistos ou diversões.


Nessa organização, compartilho com vocês a missão do FlyLady e também a minha rotina da semana. Nesta semana estamos na Zona 3 - banheiro principal e um cômodo extra. Esta é uma semana que não tem missão diária, uma oportunidade para que você exercite o hábito de fazer suas próprias missões. Verão que deixo registrado os itens de limpeza detalhada e procure se focar nos detalhes mesmo. Se vai limpar o lustre, dê o seu melhor, para não se preocupar com ele de novo tão cedo.
Deixo, também, os cômodos extras, escolha um e faça a limpeza detalhada dele. Apesar de meus cômodo extra serem atividades extras em geral na casa, vou dar ênfase ao quarto do querido filho - que realmente está precisando desta atenção maior (minha rotina de limpeza da semana está lá embaixo, na última imagem).

Abaixo, deixo registrado o meu cardápio da semana (falei sobre ele aqui) e, em seguida, as missões da semana. Vale lembrar que em outubro, o desafio da flylady é destralhar papéis. Temos o hábito de acumular muito papel (jornais, revistas, receitas, contas, livros, atividades dos filhos...) e este é o momento de se desfazer de cada um deles. Diariamente, no meu ig e na fanpage coloco a missão do destralhe. Aos poucos as coisas vão se organizando e a vida também.

Desejo um dia lindo para vocês e divirtam-se, todos os dias, o tempo todo e em que tudo o que fizer.