terça-feira, 31 de março de 2015

Camas Multifuncionais

Gente, esse final de semana fui visitar um amiga em seu apartamento novo. Ela comprou o imóvel num condomínio maravilhoso. Eu fiquei de boca aberta com tudo o que o lugar oferece, mas me arrepiei ao entrar no apartamento: mesmo tem três quartos, era pequeno demais. Bom, é preciso levar em conta que essa é a visão de alguém que tem três filhos e que por isso, preza muito o espaço.

Mas a verdade é que hoje as construtoras estão fazendo grande parte dos novos condomínios assim: completos, mas com apartamentos cada vez menores. Essa minha amiga mesmo disse que não precisaria mais de espaço, já que mal dará conta de curtir de verdade toda a área externa que o empreendimento oferece. Ela está certa.

Acontece que eu não resisto. Entro num apartamento ou casa ainda sem móveis, como o dela, e já começo a planejar os móveis. No caso deste apartamento, é preciso que tudo seja minimamente planejado para que o espaço seja bem aproveitado. 

Pensando nisso, faço esta postagem. Mostrando camas multifuncionais que atendem perfeitamente às necessidades daqueles que têm muitas coisas em casa e também daqueles que não têm espaço de sobra.

Olha só que legal:






Hoje, até às 22 horas, é o último dia para se inscrever no sorteio do blog!!! Corre que ainda dá tempo. É só clicar aqui.


NAMASTÊ,

Flávia



Imagens: How Stuffs Works, Home Design Ideias, Revista Pense Imóveis, Dicas de Arquitetura

segunda-feira, 30 de março de 2015

Bolo de Cenoura



Você já teve aquela receita predileta, que você fazia e sempre era elogiada, e, de repente, perdeu a mão nela? Pois é... eu tenho algumas assim. Antes de casar, fazia um bolo de cenoura (de verdade) delicioso. Depois que casei, o bolo passou a solar. Não tinha quem fizesse dar certo, então desisti dele. Passei a fazer bolo de cenoura de caixinha e este passou a ser o preferido do meu filho, especialmente se eu fizesse, também, a cobertura de chocolate.

Acontece que, nessa minha busca por uma vida mais saudável, aboli os bolos de caixinhas de vida da minha família e me deparei com pedidos pelo tal bolo preferido. O que fazer, senão arriscar? Arrisquei e da forma mais ousada: Usando metade da farinha integral e açúcar demerara. Não é que deu certo? 

Desde então tem sido assim, já há um ano que meus bolos de cenouras - feito de forma original ou adaptado à ingredientes mais "do bem", ficam lindos e saborosos, de encher os olhos de quem vê!!! Esse final de semana mesmo, fiz dois e os dois ficaram divinos.

Vim compartilhar a receita que costumo fazer com vocês. Essa receita saiu direito do caderno de receitas da minha mãe para o meu... então posso dizer que é receita de família, né? Claro que é receita prática e mega fácil de fazer!

Ingredientes
  • 4 cenouras
  • 1 xícara de óleo
  • 4 ovos
  • 3 xícaras de farinha de trigo
  • 2 xícaras de açúcar
  • 1 colher de fermento em pó


Modo de fazer:

Bata o óleo, os ovos e as cenouras, descascadas e cortadas em rodelas, no liquidificador. Numa bacia coloque o creme batido. Junte a farinha de trigo, o açúcar e o fermento e misture bem, à mão mesmo. Coloque na forma de sua preferência - untada e enfarinha e leve ao forno pré-aquecido por aproximadamente 35 minutos.

Adendos para deixar seu bolo mais do bem:
  1. Procuro sempre usar duas farinhas nos meus bolos: metade da branca com metade de farinha de aveia ou farinha integral. Dá certo com qualquer uma das alternativas citadas;
  2. Também troco o açúcar refinado por demerara, que é super nutritivo por ser rico em vitamina B1, B2, B6, cálcio, magnésio, cobre, fósforo e  potássio. Ele engorda igual o refinado, a diferença entre ambos é que o açúcar branco só engorda, sem nos trazer qualquer nutriente;
  3. Você pode substituir o óleo pela mesma quantidade banana amassada - tá, é errado eu dar essa dica, porque eu nunca fiz tal substituição. Mas tenho amigas que costumam fazer e afirmam que dá super certo. 
  4. Se optar por usar farinha integral e açúcar demerara, o sabor ficará igual a receita da minha mãe, a diferença será apenas na cor , que ficará levemente escurecida, como nesta foto:



Cobertura
Euzinha faço cobertura de brigadeiro e jogo por cima - porque não sei fazer aquela cobertura de açúcar com chocolate que fica durinha. Neste final de semana, Caio reclamou que a cobertura estava molenga, isso porque fiz cobertura de brigadeiro mole. Quando o brigadeiro ficou pronto, joguei uma caixinha de creme de leite sobre ele para render bem. Ficou divina, mais gorda, porém menos enjoativa.


NÃO ESQUEÇA QUE AMANHÃ SORTEIO O KIT COZINHA. SE AINDA NÃO SE INSCREVEU, CORRE LÁ PARA SE INSCREVER. É SÓ CLICAR AQUI













Flávia

sábado, 28 de março de 2015

Gente que faz a diferença: Alencar Burti

Para a edição de março do Jornal do Comércio Vicentino, tive a honra de entrevistar o novo presidente da Facesp, Alencar Burti. Um homem poderosíssimo, mas de uma simpatia, humildade e compaixão admiráveis. Virei fã, claro, e faço questão de compartilhar na íntegra o nosso bate-papo, da forma que saiu no informativo da Associação Comercial de São Vicente. Na entrevista, ele fala, sobretudo, da importância de se ter humildade e de se dedicar, com amor, ao que faz.


Alencar Burti, recém-eleito presidente da Facesp, fala dos seus planos para o executivo da entidade

Aos 83 anos – 70 deles dedicados à atividade comercial, Alencar Burti foi eleito para seu terceiro mandato à frente da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) e da Associação Comercial e Empresarial de São Paulo (ACSP). Nesta entrevista exclusiva ao Jornal do Comércio Vicentino, o empresário conta um pouco da sua trajetória, fala sobre suas motivações nesta nova jornada e apresenta seus planos para atuar no executivo de uma das principais entidades de classe do País.


Este será o seu terceiro mandado à frente da Facesp. Como encara esse novo desafio?
O importante é ter paixão pelo que faz, humildade e determinação para atingir os seus objetivos. Sem isso, tudo é uma perda de tempo. Quando você se dedica, voluntariamente, a defender uma ideia ou buscar alegria de estar vivo, você agrega. Tenho dito que voluntário precisa, antes de tudo, amar a vida, até porque voluntário não pode ganhar dinheiro. Tem que fazer porque lhe gratifica. É isso que tenho feito com determinação. Tenho, também, minhas empresas e uma história com 70 anos de atividade empresarial, então tenho algum experiência. Então faço isso, me dedico e a Associação Comercial tem correspondido – tanto que fui trazido aqui quando já estava com a carreira encerrada. Foram me buscar e com prazer estou aqui, num momento importante, que é suceder um homem competente como o Rogério Amato e os trabalhos dele e, se Deus quiser, vai dar tudo certo.


Quais os planos para este novo mandado?
Entidades como a FACESP e ACs tem que ser entendida que antes de tudo precisa de unidade. A pessoa antes de entrar precisa saber que pode desfrutar, futuramente, daquele prestígio que a entidade lhe dá, mas não pode usar a entidade para atingir outros objetivos que não seja para engrandecimento da nossa Associação e da nossa Federação. São coisas elementares, mas se você olhar a situação do Brasil hoje, com o noticiário, é um pouco desolador. Então você precisa cair para o outro lado e pregar que ser ético, ser construtivo, ter uma visão pensando no País que você vive e em consequência pensando no município em que você está -  e nós da Federação que estamos em mais de 400 municípios representados, é fundamental que a gente tenha isso incorporado. Porque quando se lidera um movimento de voluntários, você não comanda e sim você lidera. Liderar consiste, primeiramente, em ouvir. Você fica à serviço dos que você liderados, numa permanente troca de ideias, onde a sua escolha pelos liderados já te dá a autoridade que tem que ser conduzida. Por isso falo em humildade, de você não impor ideias e sim trocar ideias e ser convincente. Como sempre fui vendedor, eu procuro vender para ganhar o cliente.


Como a experiência adquirida em entidades de classe, e em especial o Sebrae, do qual o senhor foi presidente do Conselho Deliberativo, como acredita que poderá contribuir neste novo processo à frente da ACSP e da FACESP?
 E não é só à frente do Sebrae, mas de outras entidades importantes e que abrangem o Brasil todo, como a Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), a Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (FENABRAVE), a Associação Brasileira das Administradoras de Consórcios (ABRAD), entre outros. Essa minha ida só valeu porque me mostra o quanto tenho que aprender. A experiência adquirida só vale quando se descortina um horizonte que você não imaginava, embora toda essa sua trajetória, que tenha ainda tanta coisa para fazer. Se valer do que você aprendeu e buscar o que você tem que aprender. E só a convivência com as pessoas, a determinação, o entusiasmo e o diálogo, perguntando, aprendendo, encaminhando, planejando e executando. Por isso tenho tido a alegria de sempre ter sido convocado, pois nunca disputei uma eleição. Graças a Deus aqui na AC, desde que entrei, é sempre chapa única. Desde que estou aqui, nunca disputamos uma eleição, elegemos a pessoa antes e ela é escolhida por meio do diálogo, da atuação, da compreensão do que o teu comportamento gerou confiança nos seus colegas. Dentro desse quadro observamos que o obvio é uma coisa fácil de você ver e difícil de entender. Você tem que estar evidentemente comprometido com as mudanças, com aquilo que na minha época levava 10 anos para mudar, hoje leva duas horas por causa da informatização de toda a tecnologia. Não adianta querer fugir ou trazer o passado ao presente. Você usa a tecnologia para mostrar ao passado como se atua, passado para mim serve quando traz valores.  Existe uma diferença entre pressa e urgência, hoje com a tecnologia vive num regime de urgência, mas se você se apressar, só fará bobagens.


O senhor tem planos para que haja maior interatividade entre a Facesp e as ACs do interior e litoral?
Quero conversar com os dirigentes, para fazê-los entender que não adianta querer puxar para uma região maior ou melhor. Temos que trabalhar para que todas tenham o maior e o melhor, mas que seja um trabalho onde as grandes ajudam as pequenas, afinal, nossa entidade é uma grande sociedade, aonde tem que ser defendido o interesse de todos. A integração é uma das minhas determinações, é o que dará abertura para que cada um entenda as suas diferenças e também desejo que os pequenos compreendam que a melhor coisa é conviver com os grandes, admirar e aprender com os competentes, em vez de afastar ou ter inveja. É preciso aprender com quem sabe - esta é uma atividade permanente dos voluntários, daqueles que se dedicam. Então precisamos trabalhar juntos, unidos e sempre trocar experiências, porque cada região tem as suas características e não adianta dizer que alguém está errado, pois a região tem o direito de ser o que é – dentro da sua cultura, costumes e necessidades. Aconselho que cada dirigente se ajuste a esta realidade e procure tornar a sua AC ainda mais importante.

sexta-feira, 27 de março de 2015

Múltiplas funções para gaveteiro aramado



Há alguns anos, comprei um gaveteiro aramado de uma revista popular de cosméticos. Excelente aquisição. Uma pena que quando decidi comprar mais um, a revista não vendia mais. Tenho procurado o tal gaveteiro nas lojas da cidade e também não encontro. Achei pela internet e estou me convencendo a comprá-lo. Sabe porque? Porque é super útil no dia a dia da casa e contribui com a organização de maneira espetacular.


A maioria das pessoas o utiliza na cozinha. Como eu tenho um só, uso no quarto das crianças e comprei com o destino correto: a cama do Caio. Os pequenos tem um triliche e meu grande leitor dorme na cama superior. Uso o gaveteiro, de forma invertida, para que ele guarde os livros que está lendo no momento, e ainda pode encaixar os óculos lá. 


 Olha o mesmo aramado, na posição original
Fica a dica para você quer quer um pouco mais de organização no dia a dia da sua casa. Eu mesma, estou procurando mais um desses gaveteiros por causa da imagem que abre a postagem de hoje. Há tempos quero algo que resolva meu "problema" com os pães que compro e gostei da sugestão que a foto nos deu.










Flávia


Imagens: Loja OZ, Lojas Kd, Como arrumar a casa e Tudo Organizado








quinta-feira, 26 de março de 2015

Festa A Pequena Sereia



Neste final de semana, tivemos a honra de participar da celebração dos 6 aninhos da Naylah. Ariel, A Pequena Sereia foi o tema da festinha, para delírio das meninas (pequenas e grandes!).

A festa foi 100% organizada pela mamãe da aniversariante, a Kirye, que também foi a responsável pela decoração linda do evento. Resultado? Uma festinha de aniversário caseira digna de atenção e melhor do que muitas das que fui em buffet. Não faltou absolutamente nada na festa. Comida e bebida em fartura, além de tudo muito delicioso, incluindo o clima da festa.

Mas, o que me chamou a atenção mesmo, foi a Kirye ter usado os brinquedos da filha na decoração (adoro isso!) e ainda ter pensando em cada pequeno detalhe. Foram esses detalhes que fizeram toda a diferença e causaram encantamento. Quer ver?


Pirulitos em forma de peixe



Os confeitos dos cupcakes também parecem ter saído do fundo do oceano.

Ah, prestou atenção na tag verde brilhante? Foi a Kirye quem fez, com EVA glitter, esses rabos de sereia. Arrasou, não?



Baú de joias espalhados no fundo do mar, com outros itens que meninas amam, como o espelho rosa. Já dentro da carrocinha, algumas das lembrancinhas distribuídas pós festa. Adivinha o que é?


Esmaltes Glitter, combinando bem com o rabo da sereia e algumas das cores maravilhosas que encontramos no fundo do mar



A frente da mesa estava decorada com esses vasos, que trouxeram um pouquinho do verde para a festa. E os personagens da história da sereia estavam por todo o canto, espalhando ainda mais a alegria do tema.


Fora a decoração, tinham também as lembranças, que foram caprichadas


Lápis com ponteira de estrela feita em EVA glitter. Para as meninas ainda tinham colares furta cor e todas crianças ganharam baldinhos de praia recheados de doces



Não bastasse tudo isso, ainda tinha uma mesa enorme cheia de doces







 Tudo lindo e caprichado. A princesa (na foto abaixo ao lado dos pais) merece tudo isso e muito mais. Parabéns Naylah!!!



Chegou até aqui: não se esqueça de participar do sorteio, ok? É só se inscrever











Flávia




quarta-feira, 25 de março de 2015

Ideias para a Páscoa

A Páscoa está chegando e hoje selecionei oito imagens inspiradoras tiradas de cantinhos especiais para que você também possa decorar a casa na data, talvez até com a ajuda dos pequenos. Vamos lá?









Espero que tenha gostado, see you and participe do sorteio


Flávia




Imagens: Simply Desingning, Kids activies blog,  The Ideia Room, Make and Takes, Pinterest, Smarts School House,


terça-feira, 24 de março de 2015

Feedback é amor

Não há pessoa no mundo que não se sinta feliz em ser (bem) lembrando, (bem) comentado e acarinhado, não é? Preciso dizer o quanto estou feliz com o retorno que o blog tem me dado, especialmente quando recebemos feedback dos amigos e leitores. Vira e mexe, por aqui ou pelo face, recebo um recadinho falando o quanto tem curtido as postagens.

Gente, eu sei que escrevo demais, mas venho aqui diariamente (ou, pelo menos, essa é a proposta) para deixar registrado algo que eu mesmo gostaria de ler. Na maior parte das vezes compartilho coisinhas que vejo por aí e que acho interessante compartilhar, mas a sacada mesmo é dividir com vocês as coisinhas do dia a dia que tem dado certo para mim e que também pode fazer a diferença na vida do próximo. Se eu puder te inspirar e te ajudar a promover uma mudança positiva, ou simplesmente te arrancar um sorriso, já ganho o dia.

Semana passada, minha amiga Talita Paris (já a citei aqui) fez uma postagem no seu perfil pessoal falando o quanto sua vida melhorou depois que passou a inserir o cardápio semanal da sua casa (falei sobre ele aqui). Ela leu aqui, viu que deu certo para mim e resolveu tentar na sua casa. Claro que adorou o resultado. Veja só o que ela escreveu, que tudo!!!


Ontem foi a vez da Carlinha Mielitz, do blog Crtl Moda Up, falar do blog na sua casa virtual. Ela mostrou como combinou o colar, que ganhou do Conexão Flávia, no primeiro sorteio do ano realizado aqui.



Estes feedbacks são inspirador e, especialmente, motivadores. Me fazem ver que estou no caminho certo. Eu sei que ainda tenho muito o que melhorar, mas como adoro aprender, é só mais um desafio que faço questão de abraçar. E se você curte vir aqui e ainda não falou comigo, só deixo um recado:



Gratidão meninas.










Flávia



Ah, se você não se inscreveu para o sorteio do blog, saiba que ainda dá tempo. É só clicar aqui.

segunda-feira, 23 de março de 2015

Doce de Leite Caseiro



Essa semana começou preguiçosa para mim. Ih, acho que já escrevi isso por aqui esses dias, acontece que desde sempre tenho crises de enxaqueca e passei o final de semana inteiro absorvida por ela, o que me acaba. Graças a Deus estou começando a segunda renovada - com um pouco de moleza, é verdade, mas pronta para tudo!

Vim deixar aqui essa receita que fiz semana passada, tirada do site Panelinha - que tem como slogan "Receitas que Funcionam". Pois bem, pensei muito se registraria a receita aqui ou não e, por fim, estou aqui digitando que a receita NÃO FUNCIONOU PARA MIM. Fiz do jeitinho que mandava o site, mas passou do ponto. Ainda assim, o doce acabou em menos de 24 horas. Eu queria um doce em ponto cremoso e ficou duro, parecendo bala. Exatamente isso. Ficou ponto bala. Claro que as crianças amaram e eu fiquei frustrada porque queria comer o doce na colher - hahahahah

E já que em casa me deram nota 10 na receita, mesmo não tendo funcionado do jeito que eu queria, vou deixá-la aqui, com as minhas impressões, ok?

Ingredientes

  • 6 xícaras de leite
  • 3 xícaras de açúcar refinado
Modo de Fazer

  1. Numa panela, junte o leite e o açúcar e leve ao fogo baixo, mexendo sempre, até o açúcar dissolver (cerca de 10 minutos);
  2. Cozinhe, mexendo sempre para o leite não ferver, por mais 1 hora ou até o creme engrossar e adquirir uma cor de caramelo claro. Se necessário, deixe por mais tempo até atingir o ponto certo;
  3. Quando o doce estiver com a cor de caramelo, retire a panela do fogo e deixe esfriar;
  4. Transfira para um pote de vidro esterilizado e guarde na geladeira por, no máximo, 10 dias.

Adendo 1: Não pode parar de mexer nunca, porque o leite não pode ferver;
Adendo 2: Numa paradinha, a mistura forma uma bolota de fervura que explode e pode te queimar, então não páre de mexer mesmo!
Adendo 3: A receita diz para mexer até ficar da cor caramelo. Para mim, só chegou nessa cor depois de 2h30 mexendo o doce na panela. Então é válido deixar menos caramelo e mais cremoso.
Adendo 4 e mais importante: Estamos sorteando um lindo kit cozinha. para participar, é só inscrever aqui










Flávia

domingo, 22 de março de 2015

Namastê



Hoje deixo apenas esta imagem linda e cheia de cor, para inspirar o seu domingo

Em tempo: Namastê é o cumprimento em sânscrito que literalmente significa "curvo-me perante a ti" e é a forma mais digna de cumprimento de um ser humano para outro. O gesto expressa um grande sentimento de respeito, invoca a percepção de que todos indivíduos compartilham da mesma essência, da mesma energia, do mesmo universo, portanto o termo e a ação possuem uma força pacificadora muito intensa. 
Definição tirada daqui
Lembre-se de se inscrever no sorteio do blog. É só clicar aqui


Flávia



sábado, 21 de março de 2015

Pneus reaproveitados podem fazer a alegria das crianças


Há alguns anos, fiz uma matéria para um jornal de bairro em que a população reclamava do descarte irregular de pneus de um borracharia. Hoje lembrei deste episódio e penso em como aqueles pneus poderiam ter feito a alegria de milhares de crianças. Sim, porque bem reaproveitados, eles podem virar um belo parque para os pequenos.

Antenada na sustentabilidade, a Prefeitura de Conselheiro Lafaiete, em Minas Gerais, usou a ideia e montou dentro do Parque Florestal "Eurico Figueiredo" um parquinho de pneus usados, como você pode ver na foto que abre a postagem de hoje. Escorregador, gangorra, cavalinho, obstáculos, ponte, mesinha e muitas outras coisas foram feitos com a "roda de borracha". Há dois anos, essa área serve como estímulo à criatividade infantil e dá uma aula indireta da importância do reaproveitamento para as crianças.

Neste movimento, vim mostrar aqui quantos brinquedos legais podem ser feitos com pneus usados e muitas das ideias podem ser utilizadas dentro do seu quintal, até mesmo para dentro da sua casa. Veja:


Gangorra dupla



Gangorra Individual



Balanço


Caixa de Areia


Desafio


Escalada


Escalada/Desafio


Viram quanta ideia legal? E se você se inspirar e pintar o pneu, aí é que a brincadeira fica completa. Fica a dica para você que tem filhos pequenos ou trabalha com crianças, ótima oportunidade de estimular a criatividade dos pequenos e ainda fazê-los gastar muita energia - o que, nos dias de hoje, é super válido, não é?

Ei, não esquece de antes de sair se inscrever no sorteio, tá? É só clicar aqui.










Flávia