sábado, 28 de fevereiro de 2015

56

Olá, hoje inicio a postagem com um título "estranho", mas é que hoje faço a 56ª postagem do ano e isso é algo a se comemorar, já que durante todo o ano de 2014 eu só fiz 13 postagens no blog.

Agora você deve estar se perguntando: "isso realmente é motivo para comemorar?", respondo que sim. Significa que tenho tido sucesso em manter FOCO, aliás, essa foi a primeira palavra escolhida por mim para trabalhar o projeto UMA PEQUENA PALAVRA. Apesar de não ter trabalhado o projeto da forma que desejava, essa foi a palavra que martelou na minha cabeça esses 28 dias. 

É verdade que falhei três dias em janeiro, quando me comprometi a alimentar este espaço diariamente. Ainda assim, sei que tenho tido sucesso na minha empreitada.

O mais legal é ver o feedback das postagens. Aqui no blog ainda está fraco, mas no face tenho recebido boas mensagens de apoio, incentivo e agradecimento.

E, refletindo sobre as realizações do segundo mês do ano, posso dizer que entrego fevereiro com a sensação de dever cumprido e cheia de gás para receber março, quando - de fato - algumas das minhas principais metas para 2015 começarão a se tornar reais para o mundo.

Sinto como se fosse uma gestação. Levo em meu ser sonhos, planos e tenho metas a cumprir, com datas para serem realizadas. Algumas dessas metas devem nascer este mês e isso me deixa extremamente feliz, a ponto de dizer GRATA, FEVEREIRO e SEJA MUITO BEM VINDO, MARÇO.







Imagens: daqui e daqui 

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Use o grill sem sujá-lo

Olá garotas e garotos que me visitam. Hoje vim dar uma dica de organização que tem feito toda a diferença no meu dia a dia: usar papel alumínio no meu grill. Não entendeu nada, né? Eu tenho um grill pequeno, velhinho e que uso muito, seja para fazer carnes, seja para sanduíches. Acontece que limpá-lo é um saquinho. O queijo ou o caldo que a carne solta gruda de um jeito, que é 'u ó' tirar essa sujeirada.

Então descobri que protegendo as chapas com papel alumínio durante o uso, eu não mais me aborreceria na hora de limpar e nem perderia mais tempo. Gente do céu, tenho três filhos, cachorro, plantas (algumas insistem em se manter vivas, graças a Deus), casa para cuidar e uma vida profissional agitada e com horários loucos. Além do que eu, tenho que cuidar de mim também. Então se tem algo que valorizo demais é meu tempo. para mim, ele é realmente precioso.

Tenho certeza de que para você não é diferente, né? 

Olha só como faço:

Corto um pedaço de papel alumínio de forma que cuba os dois lados do grill ou da sanduicheira


Coloque a carne, o legume ou o sanduíche sobre o papel e feche o aparelho para que ele asse normalmente a delícia que está em seu interior - neste caso, filezinhos de frango


Depois é só abrir e verá que os filés foram assados perfeitamente, mantendo o sabor. O mesmo acontece com os outros alimentos que faço: carne, abobrinha (adoro fazer abobrinha aí) e sanduíches (sejam de pão de forma, sejam de pão francês).


E, ao final de todo o processo, a sanduicheira/grill continua limpa. Ah, percebem o caldo que soltou? Esse grill é o Geoorge Foreman mini, ele tem uma chapa inclinada, de forma que escorra toda a gordura do alimento, deixando-o mais saudável

E aí, gostou da dica? Me dá o feedback. Aproveito e peço perdão pelas fotos horríveis, devia estar com parkinson nesse dia kkkk






quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Pessoas que Inspiram



A vida nos dá alguns privilégios. Um deles é a bênção de ter, em seu rol de amigos, pessoas especiais e que fazem a diferença na vida de outras. Sou grata por conviver com alguns desses tesouros. Um deles é minha querida Márcia Cristina - Teka para os íntimos. Estudamos juntas no Ensino Fundamental. Depois, voltamos a nos encontrar no Ensino Médio, quando juntas cursamos Magistério.

Teka seguiu dando aulas quando, ao fim do curso, optei pela Comunicação e profissionalmente nossas vidas tiveram rumos diferentes. Entretanto, socialmente, estamos sempre juntas - da forma que é possível estar, morando em cidades diferentess e com todas as responsabilidades que acumulamos ao longo dos anos.

Ainda assim, me sinto imensamente feliz em tê-la em minha vida. Quem é mãe sabe como o dia a dia com filhos pequenos pode ser exaustivo, principalmente quando se tem uma agenda profissional a se administrar em conjunto. Teka tem duas crianças, sendo uma delas ainda bebê. Com tudo isso, continua mostrando o quanto é dedicada ao que faz, servindo de inspiração para muitas de nós.

Professora de Ensino Infantil numa escola pública da Capital Paulista ela é exemplo de Profissional Nota 10. Recentemente, postou em seu face pessoal alguns mimos feitos para receber seus alunos do Infantil 1, como este que abre a postagem de hoje (veja os demais logo abaixo). Tudo tão lindo e caprichoso, resultado de um trabalho feito por alguém que realmente ama o que faz.

Tenho certeza que esta atitude de doação com amor (porque certamente ela confeccionou tudo isso em casa, quando poderia simplesmente estar curtindo os filhos) também reflete no dia a dia em sala de aula. O resultado final com seus alunos parece fácil de concluir, afinal, o aprendizado flui muito melhor quando se há amor envolvido no processo.

Tenho orgulho em ser sua amiga e acredito mesmo que boas ações devem ser propagadas para que inspirem outras boas ações, numa corrente do bem. 

Agradeço aos céus por termos, numa época de inversão de valores, professores como Teka dentro das escolas. Agradeço pelas crianças que estiveram, que estão e que ainda estarão em sala de aula com ela.

Obrigada Teka, por não se permitir limitar às dificuldades que um docente de escola pública costuma ter e pela dedicação ao que faz.








quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Coelhinhos de Crochê

Gentiducéu, os supermercados já estão com os ovos de chocolate pendurado por todo o canto. É isso mesmo? Já estão focados na Páscoa e eu já até vi por aí uns 'mininu' abraçados com o presente que o coelhinho deu antes da hora. Desconfio até que este mesmo coelho voltará a dar ovos muitas vezes para essas crianças até a data oficial chegar.

Para você que tem crianças pequenas e ainda não consomem a delícia do chocolate, vim dar uma dica que é puro amor. Que tal um brinquedo decorativo? E se for feito à mão, carregando consigo toda a energia positiva de quem os fez? Olha só isso, que coisa mais cute!!!


Esses coelhos (lindos) são feitos de crochê, por uma amiga querida e talentosa que ganhei aqui no mundo virtual, a Saron. Eu mesma já comprei coisas dela, como mostrei aqui, e vivo falando sobre seu trabalho aqui no blog. Esses coelhinhos das fotos estão na minha mira já há algum tempo, vivo paquerando-os. São fofos demais!

Olha mais um tico, 'óia':




Acho mesmo que é um presente excelente para os pequenos nesta Páscoa e, olha que legal, Saron comercializa estes e muitos outros mimos. Tem tudo lá (inclusive com valor) em seu ateliê. Clica aqui para conhecer. Saron também tem um blog, onde além de falar de crochê também fala de decoração e outras coisitas mais, O Pequeno Mundo Meu Lar.

http://www.conexaoflavia.com.br/2015/02/regras-da-casa-presente.html

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Tempeiro Caseiro



Hoje eu trouxe aqui uma sugestão saudável para você. Há um ano comecei substituindo alguns alimentos aqui em casa e, aos poucos, deixando de consumir outros - como, por exemplo, os temperos prontos - ricos em glutamacos monossódico (já li por aí, ele sendo chamado de "o sabor que mata"). 

Enfim, deixei de consumir especialmente porque esses temperos prontos são ricos em sódio e, incham. Coisa de gorda que não aguenta mais ser (ou se achar) gorda. Mas, aos poucos, o item saúde sobressaiu à beleza e passei a pensar que investindo em saúde hoje, deixarei de investir - futuramente, em remédios.

Então, por aqui, não falta tempero pronto, feito por mim. Vim deixara dica, mas antes quero pedir perdão porque não sei quantificar nada, já que faço tudo no olho. Sorry, babies.

Bom, eu pego bastante cebola e alho, descasco e corto-os grosseiramente.




Depois os coloco no processador com salsinha e cebolinha (na foto tá sem a salsa ainda), um tanto de óleo de girassol e um punhado de sal.



Bato tudo até virar uma pasta - meu processador é mini, então bato tudo aos poucos.




Esterilizo por 15 minutos na água fervente um pote de conserva e, depois de batido os temperos, coloco no pote e vou usando aos poucos para temperar tudoooo aqui.

Verão que na foto que abre a postagem, fiz um dos temperos com pouco mais de salsinha, mas vou usando conforme o gosto. 

É isso, mais uma opção saudável para usar no dia a dia.


segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Organização da Cozinha


Hoje vim mostrar para vocês como faço para organizar um pouco a minha cozinha. Minha cozinha é daquelas tipo corredor (não tão estreito, graças a Deus), que culmina na área de serviço. A separação é feita por uma divisória de vidro. Então, em determinado ponto, a utilidade dos ambientes meio que se configuram numa só.


Hoje vou mostrar apenas o lado direito dela, que é cheio de diquinhas interessantes. Vale enfatizar, que muitas coisas foram feitas com o tempo, de acordo com a necessidade e utilizando, na maioria das vezes, itens que temos em casa. Ou seja, talvez algo aqui e ali nem combinem assim, mas era o que tinha e, pra mim, está de bom tamanho.

Vamos começar pela organização dos medicamentos de uso contínuo. Eles ficam sobre o microondas, organizados numa cestinha de vime (aliás, tenho algumas delas aqui em casa). Em períodos de crises, os remédios ultrapassam a cesta e ficam sobre o microondas quase que todo (e, claro, a zona é geral).


Coladinho ao microondas, tenho um forninho e, sobre ele, tenho essas taças que estão apoiadas nesse aramado dourado, que pertencia a um barzinho que tínhamos aqui. Nos desfizemos do bar, mas guardamos algumas peças que considerávamos úteis" e esta aí é uma delas (dá pra ver que está velhinha, feia até, mas vai ficar assim por enquanto)



Seguindo, temos esse mixer - que uso diariamente, várias vezes ao dia (não sou ninguém sem ele). Marido criativo, cansado de ver o aparelhinho jogado sobre a bancada (tipo, guardar para quê, se já vou usar de novo? rs), achou na suas tralhas uma peça que se encaixava direitinho ali e agora ele tá penduradinho, para ficar sempre à mão.



Reparam no fio dele? Está preso sabe com quê? Fecho de pão de forma. Não jogo nenhuma dessas pecinhas foras, são super uteis no dia a dia. Tenho um potinho cheio deles aqui em casa.


Como eu  curto muito uma praticidade no meu dia, ter o talheres sempre à mão é algo que faço questão. Esses aí ficam sobre o balcão da cozinha, dentro de um antigo aquário de beta. Alguém aí também tem toc? ver uma colher caindo para o lado errado, é algo que mexe com os nervos, né, não? rs


No armário que fica exatamente acima dos talheres, mostro que novamente o aramado me ajuda na organização dos pratos de refeição.


Na prateleira acima dos pratos, temos as xícaras, que ficam penduradas, otimizando espaço.


A última imagem desse lado da cozinha que mostrarei é essa aqui. Está vendo essas coisas penduradas? Estão presas num aramado desses para vassouras, vendidos em lojas de 1,99. Pegadores, puxador de saco, avental e pano de mão ficam pendurados aí, neste espaço que fica exatamente na divisória entre cozinha e área de serviço. Na postagem sobre organização da próxima semana, mostro para vocês como faço para organizar esse outro espaço que finaliza o " grande corredor", que é minha cozinha.


Ah, esqueci de falar sobre esse cestinha menor. Ela fica sobre um móvel, com dois gavetões - um para roupa suja e outra com roupa para passar. Nele vou colocando as coisas que vou encontrando perdida pela cozinha e que não pertencem ao cômodo e também nos bolsos das calças. Depois, é só virar tudo e ir colocando cada coisa em seu lugar.

Para finalizar, a postagem sobre o lado direito da minha cozinha, vou mostrar mais aramados. Aliás, esses já mostrei aqui, logo quando inventei de colocá-los no espaço. Tenho muitos livros de culinária, e esses dois aramados (que originalmente são para colocar óleo, azeite e vinagre na porta do armário da cozinha) foram dispostos de forma contrário ao que é indicado, e hoje guardam alguns dos meus livros.


Espero que tenham gostado de ver algumas soluções que encontrei para facilitar o meu dia a dia na cozinha. Também torço para que esta área seja um cantinho inspirador para você, ajudando com algumas ideias para facilitar o seu dia na cozinha.

Bjks,

Flávia




domingo, 22 de fevereiro de 2015

Certificado da Fada do Dente

Gente linda, especialmente as mamães, papais, titias, vovós que babam nas crias, como eu (vocês nem tinham percebido, né?), hoje estou trazendo um mimo para vocês. Melhor dizendo, dois. Sabe aquele período fofo da troca de dentes? Bom, eu faço festa, guardo os dentes, tenho maior apego e dedicação a esses "auês", afinal, cada dente de leite que cai é só serve para te lembrar que "seu bebê" está crescendo.




Essa semana caiu dentinho por aqui e tem mais três muito moles. E o que acontece quando o dente cai? As crianças menores colocam embaixo do travesseiro, na esperança que a fada do dente apareça e aqui em casa, ela sempre aparece (mesmo que atrasada - hahaha) - esse adendo para dizer que justamente esse dentinho da foto foi esquecido pela fada, que só veio uma noite depois que o dente caiu.

Na minha casa, a fada leva o dente e costuma deixar uma moedinha de R$ 1,00 - valor suficiente para que as crianças façam a maior folia do mundo. Mas, a partir do próximo dente, a fadinha não vai deixar só a moedinha, não. Ela também deixará certificado.

Sabendo da minha folia com os dentes das crias, uma amiga querida, a Francesca, me apresentou um blog espanhol (acho) que tem esse certificado. Achei o máximo e, claro, fiz para os meus. Mas, não contente, fiz também um para menino e á presenteei amigas com a arte.

Só para que entendam, fiz a arte inspirada no molde original. Mas não sou artista, nem designer, nem nada. Fiz com o parco conhecimento que tenho em programas de edição de imagens. Não ficou 100%, mas foi feito de coração e AMEI o resultado, por isso estou disponibilizando os certificados aqui a para vocês.

Espero que gostem.




Copiem a imagem e imprimam em papel "mais durinho" para dar ás crianças

Bjks,

Flávia





sábado, 21 de fevereiro de 2015

Gaveteiro de Caixas de Suco - DIY

Gente, olha que ideia espetacular que minha amiga Lilian teve em sua casa: fazer gaveteiros com caixas de suco. Ela utiliza quatro caixas, corta, cola, decora e o que ia para o lixo, acaba ganhando funcionalidade em seu lar.

A Lilian já colaborou com o blog há algumas semanas, quando mostrou aqui a engenhoca que fez para organizar a rotina da casa com as louças para lavar/lavadas pela lava louças. Agora novamente ela nos presenteia com sua mente criativa e realizadora, com esse tutorial de como montar os gaveteiros.


Material utilizado:

Tesoura
Durex Grosso
Cartolina, papel cartão ou sacola de papel
2 caixas de suco de 1,5
2 caixas de suco de 1 litro (pode ser de leite, desde que no mesmo formato)
e papeis ou pano para decorar


Para saber mais, assista ao vídeo abaixo. Se não conseguir ver pelo blog, clique aqui




E aí, gostaram? Vão fazer? Me contem!!!

Bjk,

Flávia


sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Organizando o cardápio da semana


Oi gente boa, estamos chegando a mais um final de semana e vim aqui compartilhar mais uma dica de organização que está dando super certo aqui em casa: organizar o cardápio semanal. Há alguns meses uma amiga propôs que fizéssemos isso, na minha cabeça era algo de outro mundo, pois se eu já tinha dificuldade de pensar no que fazer para comer no dia, imagina pensar em tudo uma semana antes, pelo menos?

Enfim, 2015 veio e com ele uma dose de ousadia organizativa e eis que passei a "arriscar" o cardápio e não é que tem dado super certo? Antes eu realmente ficava quebrando a cabeça, pensando no que fazer. Ficava ansiosa, gastava energia, perdia tempo e me atrasava. Por vezes, na correria, queimava as refeições. 

Agora, como já sei o que será feito, consigo organizar tudo com cuidado e antecedência, se precisar e ainda dedico mais amor ao que estou fazendo. Gente, estou descobrindo vida nova sem essa carga de estresse que "deixar tudo para a última hora" produz.

O cardápio foi impresso em papel A4 simples e acabo fixando num lugar visível para todos, o que é outra mão na roda, porque com três filhos era um tal de "mãe, o que vamos comer hoje", que me deixava ainda mais tensa. Outro problema solucionado por aqui com a organização - uma linda que não largo mais por nada no mundo.

É uma dica que dou de coração para tod@s vocês.

 Bjks e um sexta-feira espetacular a cada um de nós,

Flávia


quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Mural dos Sonhos

Olá gente linda do meu coração, como vai a vida por aí? Espero que BEM, de verdade. Hoje vou falar aqui de um projetinho novo que tenho para esta semana: criar meu MURAL DOS SONHOS.



Eu nunca nunquinha antes tinha feito um desses, será minha primeira vez e, para fazê-lo, preciso elaborar a lista de tudo o que quero fazer na vida - nas próximas horas, nos próximos dias, semanas, meses, anos. Então tenho que pensar com calma em quais são meus sonhos.

Minha lista já começou a ser elaborada e, com isso, comecei a desencravar "coisas" que quero muito fazer e que havia até esquecido, como uma rota esotérica/mística pela Europa, por exemplo. Coisas que no meu hoje são difíceis, ou até mesmo pareçam impossíveis, entrarão neste mural.

Será meu mural inspirativo. Meus sonhos sairão da cabeça e vão para o papel, para em seguida serem vistos e observados diariamente. Logo terei que pensar numa estratégia para realizá-los, porque eles ficarão lá, na minha cara, atormentando minhas ideias - hahahahah.


Emagrecer entre 10 e 15 quilos


Conhecer Pirenópolis (GO), com calma



Dirigir - tenho carteira há quase 20 anos e ainda não dirijo


Nadar com Golfinhos



Levar os filhos na Disney


Conhecer Macchu Picchu



Mergulhar no fundo do mar e ver, de perto, as suas maravilhas


Meu apartamento é ótimo, mas gostaria de um maior


Andar de Stand Up

Então, são só algumas coisas que sonhos fazer, tem ainda muito mais. Preciso fazer esse exercício de definir meus sonhos, primeiro, para então colar fotos que expressam esses sonhos no papel.

Depois volto para mostrar aqui o resultado final dessa empreitada do coração.

Bjks,

Flávia

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Arte com Escamas de Peixe

Olá gente do bem!!! Quem acompanha o blog sabe que passei o Carnaval quase que todo falando de Pernambuco. Fiz uma série de três posts falando do que vi e me encantou nos dias em que estive lá, mas em nenhum momento falei de algo que nunca imaginei na minha vida que pudesse ser reaproveitado e reaproveitado de forma tão bela: as escamas de peixe.


Sim, numa feira de artesanato que fui lá descobri isso, que para mim foi novidade. Na verdade, quase um ano depois e ainda não vi nada disso por aqui, no Litoral de São Paulo. O reaproveitamento das escamas como arte para ser usada de formas diversas é a prova real de que o lixo realmente pode se transformar em LUXO - e escrevo essa palavra com caixa alta (linguagem jornalística) mesmo, porque é isso o que vi acontecer..

Ecologicamente correta, essa arte tem como produto base a escama - que é fácil de se conseguir (temos peixe em mar e em rios), orgânica e versátil. Elas podem virar lustres, abajur, flores decorativas, buquês de noivas, acessórios para cabelos, brincos, móbiles e o que mais a imaginação permitir.

Tirei algumas fotos do que vi lá sobre isso, mas quem disse que encontro? Enfim, Mr. Google me ajudou e, com este auxílio, posso mostrar um pouco aqui do que estou falando.










A verdade é que não encontrei foto que mostre a beleza real desta arte, acredito que só vendo pessoalmente a pessoa entende o que estou falando. Não apenas pelo reaproveitamento do material, mas pela cor que ele fica quando está na luz e a possibilidade, ainda, de colori-lo.

Confesso que escrevo este post, me "chicoteando", por não ter trazido nenhuminha mostra de nada disso para mim. Na verdade, até quis, mas pensei bem e não encontrei meios no meu pensamento, de encaixar qualquer uma dessas coisas na decoração aqui de casa. Hoje sinto por não ter sido um pouco mais ousada, porque é algo realmente belo.

E você, conhece essa arte? Vi que em Recife ela é moda, e que é muito forte nas cidades do Norte e Nordeste do País. Se viu, o que achou?

Me conta!

Bjks,

Flávia